ESTADOS
Menor de 16 anos é apreendido por furtar crânio humano de cemitério e deixar em frente a uma rádio
   
Crânio foi achado em frente a uma rádio no sábado (22)

Por G1
24/05/2021 07h46

Um adolescente de 16 anos foi apreendido no sábado (22) por violar e furtar um crânio humano de um cemitério de Rio Branco. O caso foi descoberto após o menor deixar o crânio em frente a uma rádio do Centro da capital acreana.

Equipes da 1ª Regional de Polícia Civil foram acionadas e iniciaram as buscas pela pessoa que tinha deixado o resto mortal no local. O menor, que vive em situação de rua, foi achado, com ajuda de uma equipe da Polícia Militar, e confessou que tinha furtado o crânio e deixado em frente da rádio.

À polícia, ele disse que tinha usado drogas e foi até o cemitério, onde se escondeu em um túmulo e parte dele abriu, expondo os ossos. Ele disse que retirou o crânio e levou para a área central.

Os policiais levaram o adolescente até o cemitério e ele indicou o local do túmulo violado. O crânio foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) para exames e, posteriormente, deve ser devolvido para o cemitério.

O menor foi deixado em uma delegacia de Rio Branco.


   

  

menu
menu