REGIÃO
Polícia confirma prisão de homem que matou mulher em Erechim
   
Ele foi detido no dia que agrediu a mulher

Por Leandro Vesoloski-AU
23/04/2021 15h03

Foi confirmado pela Polícia Civil que o autor do feminicídio que vitimou Cleia Jurema Poloni foi preso na data da agressão que culminou com a morte da mulher. Cleia foi agredida pelo companheiro em uma residência no bairro Cristo Rei no último dia 17.
Segundo o boletim de ocorrência, após ser violentamente espancada, Cleia foi socorrida e levada ao Hospital Santa Terezinha onde foi constatado que ela sofreu traumatismo craniano e devido aos ferimentos não resistiu entrando em óbito nesta quinta-feira, 22.
Segundo Raquel Kolberg que é delegada titular da Delegacia especializada no atendimento à mulher (DEAM), o agressor foi preso em flagrante na data do crime e teve sua prisão preventiva decretada pela justiça.
Raquel Kolberg informou a reportagem do Portal AU Online que não há registros de violência doméstica envolvendo acusado e vítima anteriores ao fato.
Familiares de Cleia autorizaram a doação de órgãos e uma equipe da Central de Transplantes do Estado do Rio Grande do Sul esteve em Erechim na manhã desta quinta-feira onde efetuou a coleta do fígado da vítima que foi levado até a Capital para ser transplantado em um paciente receptor que aguardava pelo órgão.
A investigação do caso prossegue.


   

  

menu
menu